Categoria: Corrupção

QUEM QUER DINHEIRO? Na tentativa de barrar denúncia, Temer tem “maratona” de reuniões com 42 deputados

Além de abrir os cofres públicos, Michel Temer também vai escancarar as portas do Palácio do Planalto para dezenas de deputados, em mais uma manobra para tentar barrar a segunda denúncia da PGR na Câmara; segundo a agenda oficial do peemedebista; Temer receberá 42 parlamentares nesta terça; a mesma estratégia foi utilizada pelo governo às vésperas

DUELO DIFÍCIL! Cientista político afirma que Temer é a cópia de Sarney, ambos com impopularidade perto de 100 por cento

“Temer acha que é o Itamar Franco, mas é Sarney”, disse o filósofo e cientista político da Unicamp Marcos Nobre em entrevista à BBC Brasil em agosto deste ano. Nobre comparou a dependência de Temer e do oligarca José Sarney (PMDB) ao chamado Centrão, bancada suprapartidária de parlamentares de centro-direita e de pouca expressão que

FUNDÃO: Grupo Mulheres do Brasil diz que fundo bilionário é “cheque em branco” para campanhas

Diante da aprovação no Senado da criação de um fundo bilionário para financiar campanhas eleitorais com recursos a serem extraídos dos cofres públicos, o Grupo Mulheres do Brasil emitiu nota pública com críticas à proposta de reforma política em discussão no Congresso e alerta para o uso do dinheiro público para fins eleitorais, bem como

O PRIVILEGIADO! Fachin desmembra inquérito do quadrilhão do PMDB, mas Sarney continuará respondendo no STF

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), acolheu pedido do Ministério Público Federal (MPF) e desmembrou o inquérito que investiga os senadores Edison Lobão, Renan Calheiros, Romero Jucá, Valdir Raupp e Jader Barbalho, acusados de associação criminosa – o chamado quadrilhão do PMDB no Senado. O ex-presidente José Sarney e o empresário Sérgio

O LADRÃO PROTEGIDO! Fachin vota por prisão de Paulo Maluf, mas julgamento é suspenso de novo no STF

Após o voto do ministro relator Edson Fachin, um pedido de vista do ministro Marco Aurélio Mello adiou desta terça-feira (26) a decisão final da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a prisão do deputado federal Paulo Maluf (PP-SP), condenado pelo próprio colegiado, em maio, a mais de sete anos de reclusão, inicialmente